Centro Interpretativo do Comboio do Monte

Centro Interpretativo do Comboio do Monte

Situado no Largo da Fonte, na antiga Estação de Comboio do Monte, nasceu um novo núcleo cultural alusivo ao comboio que ligava o Funchal ao Terreiro da Luta, passando pelo Monte.

 

Sabia que… havia um “Caminho de Ferro” do Monte, que era percorrido na altura pelo “Comboio do Monte” ou “Elevador do Monte”, ligando a Rua do Pombal, no Funchal, ao Terreiro da Luta, no Monte, numa extensão inclinada de 3,911 km?
Os estudos para o “Caminho de Ferro” do Monte foram concebidos em 1886, pelo engenheiro Raul Mesnier Ponsard, e o primeiro troço até a Levada de Santa Luzia foi inaugurado a 16 de julho de 1893. Em 1894 entra em funcionamento a locomotiva a vapor, importada da Alemanha, e em 1912 o comboio chega finalmente ao Terreiro da Luta, localidade situada a 850 metros de altitude.
A 10 de setembro de 1919, quando o comboio subia em direção ao Monte, deu-se uma explosão na caldeira de uma locomotiva, acidente que ocasionou a sua inoperacionalidade até 1 de fevereiro de 1920.
A 11 de janeiro de 1932 ocorreu um novo acidente, desta vez suscitado por descarrilamento. A partir de então o caminho-de-ferro caiu em desuso, sendo considerado perigoso.
Aliando este facto ao eclodir da II Guerra Mundial e ao consequente decréscimo no número de visitantes à Madeira, a companhia que explorava este meio de transporte faliu. A última viagem do comboio realizou-se em abril de 1943.

Centro Interpretativo do Comboio do Monte

Companhia do Caminho-de-Ferro do Monte

  • 17 Outubro 1890 – era constituída a Companhia do Caminho-de-Ferro do Monte
  • 22 Janeiro 1891 – aprovação do projecto pela Câmara Municipal do Funchal para a construção do elevador ou caminho-de-ferro de cremalheira entre o Funchal e a Freguesia do Monte
  • 16 Julho 1893 – inauguração do troço entre a estação do Pombal e a estação da Levada de Santa Luzia do “comboio” da Companhia do Caminho-de-Ferro do Monte
  • 13 Agosto 1893 – realização da primeira viagem regular
  • 5 Agosto 1894 – inauguração do troço entre a estação do Pombal e o sítio do Atalhinho, Freguesia do Monte. A viagem durava trinta e cinco minutos
  • A estação do Atalhinho ficava localizada em frente ao “Hotel Bello Monte” (actual Colégio do Infante Dom Henrique)
  • 24 Junho 1912 – inauguração do troço entre Pombal e o Terreiro da Luta
  • Entre o Pombal e o Monte, o elevador – que muitos chamavam de “comboio” – percorria uma distância de 2.500 metros e até ao Terreiro da Luta um total de 3.850 metros
  • 10 Setembro 1919 – deu-se uma grande explosão na caldeira de uma das locomotivas, quando o “comboio” subia entre a Levada de Santa Luzia e o Livramento.
  • As viagens ficaram suspensas até 1 de Fevereiro de 1920
  • 1926 – a Companhia do Caminho-de-Ferro do Monte inaugura um novo hotel na Freguesia do Monte, denominado Grand-Hotel Belmonte
  • 31 Outubro 1928 – inauguração da estrada turística Monte – Terreiro da Luta
  • 29 Março 1943 – encerramento da linha férrea do “comboio” da Companhia Caminho-de-Ferro do Monte pelo decreto –lei n.º 32.724
  • 13 Maio 1943 – arrematação em hasta pública do material do “comboio”
  • 17 Maio 1943 – apesar de já há quatro anos não estar em actividade, organizou-se uma última viagem promovida pelo comprador – comerciante da cidade do Porto, Francisco Alves de Sousa
  • Setembro 1992 – A Companhia do Caminho-de-Ferro do Monte, o edifício sede na Rua do Pombal, assim como o Chalet-Restaurant ESPLANADE, no Terreiro da Luta, foram adquiridos por um grupo de empresários madeirenses

This page is being updated.
Please visit us later. Thank you.